Denúncia

As coisas que eu gostaria de te dizer

Digo todas a mim mesma

Depois digo ao espelho

Às vezes conto aos amigos

Pra ver se sou louca como acho que sou

 

Comprovo e me reprovo

Volto a dizer a mim, ao espelho, não mais aos amigos.

Escrevo, engulo e me esqueço

Ou ao menos tento, para não me denunciar

 

A ti, apenas um olhar, que deveria dizer tudo

Mas já desgastou-se em mim, meu espelho e meus amigos

Sobra-te a certeza do não

Quando tudo que eu disse a mim, ao espelho e aos amigos,

é que de fato te amo.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s